Posts

A Capsulite Adesiva ou Ombro Congelado tem cura?

A capsulite adesiva ou ombro congelado é uma doença caracterizada por dor e perda progressiva da movimentação do ombro. É mais comum em pacientes com idade entre 40 a 60 anos e nas mulheres. Cerca de 2% da população terá um episódio de capsulite adesiva nos ombros e este número pode chegar a 50% nos pacientes diabéticos.

A capsulite adesiva é uma doença autolimitada, ou seja, ela têm cura espontaneamente. Entretanto, o diagnóstico e o tratamento precoces podem acelerar o curso natural da doença. De maneira didática, ela pode ser divida em 3 fases: inflamatória, congelamento e descongelamento. A duração total da doença pode variar de 8 a 36 meses. Portanto, os pacientes devem ter muito cuidado e paciência durante o tratamento desta doença. Para saber mais sobre a capsulite adesiva, clique aqui.

Quais são as fases e sintomas da capsulite adesiva (ombro congelado)?

  • Fase inflamatória: Pode durar semanas até 3 meses, caracteriza-se por dor leve a intensa e pior no período noturno, paciente ainda não apresenta restrição da movimentação.
  • Fase de congelamento: Paciente com dor intensa e perda progressiva da movimentação. Na etapa final desta fase, o ombro encontra-se com grande restrição da movimentação e a dor diminuiu, sendo presente nos extremos da movimentação do ombro.
  • Fase de descongelamento: Pode durar 4 a 18 meses, paciente tem pouca dor e a movimentação do ombro gradualmente vai melhorando.
Fases da capsulite adesiva e seus sintomas

Fases da capsulite adesiva e seus sintomas

A capsulite adesiva deixa sequelas?

Alguns pacientes, após a fase de descongelamento, podem ainda ter alguma limitação da movimentação do ombro, mas geralmente esta limitação é muito leve ou quase imperceptível para a maioria das atividades da vida diária.

A capsulite adesiva pode acometer o mesmo ombro mais de uma vez?

Felizmente não.

A capsulite adesiva pode acometer o ombro contralateral?

Sim. Cerca de 50% dos pacientes, meses ou anos após o primeiro episódio da capsulite adesiva pode ter um quadro semelhante no ombro contralateral.

Procure um especialista de ombro e cotovelo para o diagnóstico e tratamento desta doença.