Qual a formação do especialista em ombro e cotovelo?

O médico especialista em ombro e cotovelo deve ter realizado a sua graduação em medicina (6 anos) e posteriormente ter ingressado em um concurso de residência médica em Ortopedia e Traumatologia de um serviço credenciado pelo Ministério da Educação (MEC) e/ou pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT), atualmente os programas de formação dos ortopedistas tem duração de três anos. Após estes 9 anos, este médico pode realizar mais um ano de formação em cirurgia do ombro e cotovelo em um hospital credenciado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia do Ombro e Cotovelo (SBCOC). Portanto, são 10 anos de formação!

Quais provas ou títulos um especialista de ombro e cotovelo deve ter?

Antes de um médico ser um especialista de ombro e cotovelo, ele também é um ortopedista. Posteriormente a graduação em Medicina, o médico deve realizar um concurso para ingressar em uma residência médica em Ortopedia e Traumatologia. Após a graduação na Universidade de São Paulo (USP), realizei o concurso de residência médica para o Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo, sendo aprovado em primeiro lugar. Após os três anos da residência médica, o médico está apto a realizar a prova do Título da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia,  após a aprovação pode ser considerada ortopedista. Fui aprovado nesta prova entre os 10 primeiros colocados e meu número de registro na SBOT é 11111. Novamente, o medico deve realizar um novo concurso para um ano de especialização em cirurgia de ombro e cotovelo em um hospital credenciado pela SBCOC e após essa formação, o médico pode requerer sua admissão na Sociedade Brasileira de Cirurgia do Ombro e Cotovelo (SBCOC), sendo considerado um especialista em ombro e cotovelo caso seja aprovado. O registro do médico especialista em ombro e cotovelo pode ser verificado nesse link, da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Ombro e Cotovelo.

Quais doenças são tratadas por um especialista de ombro e cotovelo?

A cirurgia do ombro e do cotovelo tem se tornado mais complexa nas últimas décadas, devido ao avanço das cirurgias da especialidade que apresentam uma maior curva de aprendizado, principalmente as artroscopias e as artroplastias (próteses). Alguns especialistas em ombro e cotovelo também tem formação nas cirurgias do trauma, ou seja, no tratamento das fraturas do ombro e cotovelo e nas sequelas ou complicações dessas fraturas, que incluem as fraturas do úmero, da clavicula, escápula, das diversas fraturas e luxações do cotovelo. Veja a lista das principais doenças do ombro e cotovelo  tratadas pelos especialistas em ombro e cotovelo, além das principais cirurgias realizadas.