Posts

Artrose do cotovelo

A artrose é o desgaste da superfície de cartilagem de uma articulação. É também chamada de osteoartrose ou osteoartrite.   Uma articulação para ter uma movimentação adequada e sem dor precisa ter suas superfícies recobertas de cartilagem saudáveis, lisas e bem lubrificadas. Na artrose do cotovelo ocorre um desgaste da cartilagem causando dor e diminuição da movimentação. A artrose do cotovelo é muito menos frequente que a artrose do joelho ou quadril.

Artrose do cotovelo

Artrose do cotovelo

Quais são as causas da artrose no cotovelo?

A artrose do cotovelo pode não ter uma causa conhecida, sendo chamada de artrose primária. Provavelmente fatores genéticos e familiares ocasionam o desgaste da articulação. Mas existem casos onde as causas podem ser identificadas.

Pacientes com doenças reumatológicas, gota, luxações, lesões ligamentares ou fraturas prévias no cotovelo podem desenvolver precocemente uma artrose do cotovelo.

Quais são os sintomas?

Os sintomas mais frequentes são dor, inchaço na articulação e perda da mobilidade.  Nos casos mais graves, a dor pode ser constante e não aliviar com medicamentos, e movimentos como levar a mão à boca ou à cabeça podem ser impossíveis.

Como é feito o diagnóstico da artrose do cotovelo?

As radiografias simples do cotovelo, geralmente são os únicos exames necessários. Eventualmente para o planejamento cirúrgico ou para casos muito iniciais, a tomografia computadorizada ou ressonância magnética pode ser solicitada.

Artrose do cotovelo - Radiografia

Artrose do cotovelo – Radiografia

Como é o tratamento?

O tratamento inicial é não-cirúrgico. Utilizamos analgésicos, antiinflamatórios, gelo e fisioterapia. Alguns pacientes têm melhora dos sintomas com os chamados condroprotetores, sendo os mais utilizados a condroitina e a glucosamina. Esses remédios tentam melhorar a qualidade da cartilagem. Também pode ser feita infiltração com ácido hialurônico (viscosuplementação) como tentativa de aumentar a lubrificação da articulação e consequentemente melhorar a dor do paciente. Mas lembrando que a artrose não tem cura e todas as as medidas utilizadas visam evitar a progressão e aliviar os sintomas. A cirurgia deve ser empregada na falha deste tratamento inicial.

Como é o tratamento cirúrgico para a artrose do cotovelo?

Para casos iniciais ou leves, pode ser realizado o tratamento por artroscopia. Nesta modalidade de tratamento, através de pequenas incisões e uma câmera de vídeo dentro da articulação, retiramos as irregularidades ósseas, fragmentos de cartilagem ou osso soltos, permitindo que o paciente movimente melhor o cotovelo e com menor dor.

Para casos moderados ou graves, temos 2 opções de cirurgia: a artroplastia de interposição e a artroplastia total do cotovelo.

A) Artroplastia de interposição B) Artroplastia total do cotovelo

A) Artroplastia de interposição B) Artroplastia total do cotovelo

Na artroplastia total do cotovelo substituímos a articulação por uma peça de metal. A prótese do cotovelo tem 2 componentes: o umeral e o ulnar. Esta cirurgia está indicada preferencialmente para pacientes acima de 65 anos. Infelizmente as próteses de cotovelo não tem durabilidade e resistência boas, como as próteses do joelho e quadril.

Nos pacientes jovens, está indicada a artroplastia de interposição que consiste no recobrimento da cartilagem doente com um pedaço de fáscia, tecido que recobre o músculo, retirado do próprio paciente. O objetivo desse procedimento é tentar melhorar o deslizamento da articulação. Este procedimento não tem resultados tão bons como a prótese do cotovelo, mas é melhor opção para pacientes mais jovens.

Prótese total do cotovelo - Radiografia

Prótese total do cotovelo – Radiografia